06/08 17:21

Sebastião Uchoa recebe título de cidadão maranhense nesta quinta-feira (7) na Assembleia Legislativa

Secretário de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária Sebastião Uchôa

Secretário de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária Sebastião Uchôa

O secretário de Estado de Justiça e da Administração Penitenciária, Sebastião Uchoa recebe nesta quinta-feira (07), o título de Cidadão Maranhense na Assembleia Legislativa. A homenagem é uma indicação do deputado Raimundo Louro (PR) e foi aprovada por unanimidade pelos deputados estaduais.

A sessão solene está marcada para as 11h no Plenário Nagib Haickel do Palácio Manoel Beckman, localizado na Avenida Jerônimo de Albuquerque, Sítio do Rangedor (Calhau). Estarão presentes, o subsecretário Mário Leonardo; os secretários adjuntos de Justiça, Kécio Rabelo e de Estabelecimentos Penais, Hamilton Louzeiro; secretários de estado, membros do Comitê Gestor do Sistema Prisional, diretores de unidades prisionais, representantes das polícias Civil, Militar, do Corpo de Bombeiros, servidores da Sejap, entidades de classe e familiares do homenageado.

O título de Cidadão Maranhense é concedido a pessoas que tenham prestado serviços relevantes ao Estado. A honraria representa um reconhecimento ao secretário Sebastião Uchoa, que vem realizando uma série de trabalhos em prol do desenvolvimento do Estado do Maranhão. À frente da Sejap, ele tem buscado reestruturar o sistema carcerário maranhense, com a implantação de ações e projetos que vão desde a modernização da gestão penitenciária, construção de novas unidades prisionais, abrindo mais de 2 mil vagas, reformas, fortalecimento da Corregedoria e da Ouviroria, criação da Escola de Gestão Penitenciária (Egepen), até a humanização no cumprimento da pena, garantia dos direitos dos apenados e valorização dos servidores.

Sebastião Uchoa é natural de Recife (PE), 46 anos, casado, pai de dois filhos, tem uma folha extensa de serviços desenvolvidos como delegado de carreira da Polícia Civil. Em março de 2013, atendendo a convite da governadora Roseana Sarney, assumiu a Sejap. “Sabemos da importância em receber uma homenagem desta natureza, que é a mais relevante em minha vida profissional. É uma prova do nosso empenho, dedicação e compromisso com o povo maranhense, uma vez que sabemos o desafio árduo que é gerenciar um sistema com tantas demandas, principalmente quando temos o compromisso de implantar novos paradigmas nas políticas de reintegração social e justiça criminal”, afirmou.

Atuação no Maranhão

O titular da pasta da Sejap reside no Maranhão há mais de 16 anos, onde já exerceu os cargos de secretário adjunto de Administração Penitenciária; superintendente de Polícia Civil da Capital (por duas vezes); chefe da Casa de Detenção do Complexo Penitenciário de Pedrinhas; delegado regional de Pinheiro; supervisor do Centro Integrado de Defesa Social Leste; diretor geral da Academia Integrada de Segurança Pública – AISP/MA; delegado em várias unidades de Polícia Judiciária localizadas na capital maranhense e no interior do estado.

Trabalhos

Sensível às causas sociais e de cidadania, como superintendente da capital, implantou uma série de projetos e atividades voltadas para o público LGBT, guardadores de veículos, entidades de proteção aos animais, menores infratores, sendo pioneiro no país em fazer uma abordagem diferenciada com as cracolândias; e promoveu várias reuniões e encontros com comunidades da Região Metropolitana.

Na área operacional, coordenou dezenas de operações e trabalhos policiais de grande impacto, que resultaram na elucidação de crimes, na desarticulação de quadrilha e na prisão de criminosos, merecendo destaque a atuação na investigação do “Caso dos Meninos Emasculados”, que culminou com a prisão de Francisco das Chagas, o maior do maior serial killer do Brasil, já condenado a mais de 350 anos de prisão. Ele é acusado de matar e mutilar mais de 30 meninos entre os anos de 1989 e 2004, no Maranhão.

Uchoa também foi o responsável pela conclusão do inquérito que investigou várias mortes praticadas contra homossexuais. Davi Gomes Sena, na época com 28 anos, foi preso e confessou os assassinatos.

Currículo e experiência profissional

Uchoa é reservista 1ª Categoria com 5 anos de serviços prestados à Marinha de Guerra do Brasil, tendo saído com conceito 5 de excelência em conduta disciplinar funcional, no Curso de Especialista em Artilharia.

Bacharel em Direito pela Universidade Católica de Pernambuco e Especialista em Docência Superior pela Universidade Federal do Maranhão, o atual gestor da pasta, foi diretor executivo do presídio Professor Aníbal Bruno, com relevantes serviços prestados e obtenção de elogios da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco; Assessor Especial do então Secretário de Estado da Justiça de Pernambuco; agente de Segurança Penitenciária da Secretaria de Justiça do estado de Pernambuco; encarregado de Recursos Humanos da Superintendência do Sistema Penitenciário de Pernambuco (SUSIPE).

Possui o Curso de Formação de Delegado de Polícia Civil na Academia Nacional de Polícia – ANP / DPF – MJ – Brasília; cursos de Gerenciamento de Crise; Curso de Capacitação de Servidor Policial, de Lavagem de Dinheiro e Crime Organizado, de Anti-Seqüestro/SP, Procedimentos de Inteligência pela Agência Brasileira de Inteligência, Lavagem de Dinheiro e Crime Organizado no Maranhão, de Polícias Comunitárias e vários outros pela SENASP/MJ. É professor de Instituto de Ensino Superior privado e nas Academias da Polícia Militar e CFFAP/PM-MA e da Polícia Civil do Maranhão, tendo Curso de Formação Penitenciária na Academia de Polícia Civil de Pernambuco – ACADEPOL/PC/PE. Já ministrou palestras para vários segmentos.

No campo de honrarias, já recebeu vários elogios por relevantes serviços prestados nos estados de Pernambuco e Maranhão, têm inúmeros artigos e crônicas publicados nos jornais O Estado do Maranhão e Jornal Pequeno, além de Cartas à Redação, nos jornais Diário de Pernambuco e do Comércio.

Contatos

contatos

GERAL

Fone: (98) 99101.5131

Localização

localização