03/11 7:30

Governo analisa implantar projeto de referência na Inglaterra em unidades prisionais do Complexo Penitenciário SL

Professor da Inglaterra conhece sala de aula da UPSL2

Internos do Complexo Penitenciário São Luís podem ser beneficiados com projeto de orientação acadêmica de referência em presídios da Inglaterra. Essa semana, o secretário de Estado de Administração Penitenciária, Murilo Andrade, recebeu o idealizador do projeto e professor da Universidade de Westminster, em Londres, Sacha Darke, para tratar do assunto.

“Estamos tendo esse primeiro diálogo para analisarmos como se dará esse projeto nas unidades do Complexo Penitenciário. A proposta, sem dúvida, é muito boa e vem agregar aos nossos objetivos de garantir educação e capacitação aos internos”, diz Murilo Andrade.

Com a inserção do programa no Sistema Penitenciário do Maranhão, os internos terão a oportunidade de ingressar no Ensino superior com o curso, por exemplo, de Introdução à Criminologia, e os universitários, que estarão dando suporte nas aulas, poderão vivenciar na prática o aprendizado.

Secretário recebe professores para tratar sobre implantação de projeto

“A proposta vai garantir que os alunos aprendam com os internos e estes aprendam com os alunos. Então, há uma troca de informação, conhecimento e crescimento acadêmico para ambos”, pontua o professor Sacha Darke.

O programa já atende, há um mês, cerca de 30 recuperandos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) de São Luís. Na instituição, a iniciativa é coordenada pela pós-doutora em Antropologia Social e professora da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Karina Biondi, que também esteve presente na reunião.

“Adaptamos o programa para a realidade da Apac E todos os recuperandos foram incluídos ao projeto, desde os que ainda não são alfabetizados. E todos terão a oportunidade de aprender durante as aulas e serem protagonistas do seu futuro através do ensino”, afirma a professora Karina Biondi.

Antes da reunião com o secretário, uma equipe da Seap, formada por gestores e técnicos, acompanhou os docentes em uma visita às unidades do Complexo Penitenciário São Luís. Na ocasião, Sacha e a professora Karina conheceram salas de aula e conversaram com internos. Eles analisaram os espaços físicos onde, caso for acertado em reuniões posteriores, serão implantados o projeto.

O projeto na Apac

Professores visitam biblioteca e conhecem sobre ações de educação prisional

O projeto, intitulado de “Outra Visão”, funciona como ‘Curso de Extensão da UEMA’ e é lecionado para cerca de 30 recuperandos com aulas semanais. As aulas acontecem em 5 módulos, 20h cada, além de 40h de produção textual e aplicação de provas ao término de cada disciplina.

Durante o projeto, os recuperandos irão aprender e vivenciar as disciplinas em: Formação Social, Análise de Questões Contemporâneas, Introdução às Ciências Sociais, Introdução à Criminologia e Treinamento para Escrita Etnográfica.

No fim do projeto, os recuperandos receberão certificados emitidos pela UEMA. A iniciativa também pretende colocar os alunos e universitários como escritores do que vivenciaram durante o programa. A intenção é que cada um deles escreva sobre o aprendizado e experiências que farão parte de uma coletânea.

TEXTO: Camilla Andrade

FOTOS: Clayton Monteles

——————————————————————————————-

Contatos

contatos

GERAL

Fone: (98) 99101.5131

Localização

localização